Escolha uma opção:

quarta-feira, 15 de julho de 2015

Linhagem Axis - Ciclope



Hoje estou aqui para falar de um jogo, um demo na verdade...

Antes disso quero relembrar para os amigos porque gosto tanto do gênero RPG, o qual me foi apresentado em 1998 por meu amigo Luiz. Esse estilo de jogo envolve por dois motivos, é baseado principalmente num enredo envolvente e dá a liberdade do jogador de literalmente desenvolver o personagem da maneira que melhor lhe convier e até alterar o rumo da história, de acordo com suas escolhas.
Feito este breve resumo, vamos a Linhagem Axis, com roteiro e personagens desenvolvidos pelo meu amigo Ciclope:

O que me chamou a atenção no jogo?

Personagens - O personagem principal, Timo, se mostrou um barato logo de cara, mas com o andar da carruagem, muitos outros personagens fortes e cativantes foram me apresentados;

Mapa - Se tem algo que aprecio muito em jogos de RPG são os mapas, quando bem elaborados e difíceis de se mapear completamente. Na Linhagem Axis o ponto positivo com toda a certeza é a originalidade, sem batalhas aleatórias, liberando acessos aos locais nos momentos corretos;

Batalhas - Num jogo de RPG por turnos, o qual chamo de estilo RPG Puro, que não é focado na ação, algo que existe muito e é extremamente necessário são as batalhas, que se não forem interessantes, tornam o jogo cansativo logo de cara. O sistema de batalhas da Linhagem Axis também não fica devendo em nada, tem um recurso de suporte a vida dos personagens que eu aprecio muito e a experiência e ganhos de dinheiro são bem dosados. além disso, a maneira de entrar em batalhas, não de forma aleatória, mas muitas por escolha própria, dá a opção ao jogador de escolher um eterno desenvolvimento do personagem ou não, e essa liberdade é muito interessante;

Dificuldade - Linhagem Axis não é um jogo difícil, principalmente por se tratar de um demo onde alguns desenvolvimentos de personagens principais são facilitados, o que tenho certeza que na versão final ficará excelente, mas com certeza é um jogo muito inteligente, com puzzles diferenciadas e muito agradáveis, dungeons bem desenhadas e equipamentos na medida certa;

Tabuleiro de desenvolvimento dos personagens - todos os jogos devem vir com um diferencial e esse tabuleiro, que serve exatamente para ir adquirindo novas habilidades extras para os personagens ao custo de moedas do jogo, não é uma obrigatoriedade para o desenrolar do jogo, mas facilita muito a vida do jogador. Eu gosto muito de usar e abusar destes recursos, para enriquecer meus personagens de qualidade e torná-los imbatíveis nas batalhas;

Tempo de jogo - Esse é o único "senão" do jogo, pois levei apenas 25 horas e meia para fechar a demo e esperava pelo menos umas 50 horas para isso :) Toda a vez que estou lendo ou jogando algo que considero muito bom e que espero que não termine tão rapidamente, me lembro das sábias palavras do mestre Tolkien, em seu prefácio do Senhor dos Anéis, que é exatamente assim:

"O leitor mais crítico de todos, eu mesmo, agora encontra muitos defeitos, menores e maiores, mas, felizmente, não tendo a obrigação de criticar o livro ou escrevê-lo novamente, passará sobre eles em silêncio, com a exceção de um defeito que foi notado por alguns: o livro é curto demais."

Roteiro - Sem sombra de dúvidas, um dos melhores roteiros já vistos por mim em jogos elaborados a partir do RPG Maker, nacionais ou internacionais, e dando um show de bola também em muitos outros comerciais que já tive o prazer de jogar. Apesar de ser um demo, o jogo não termina sem pé nem cabeça, muitas arestas são arredondadas e você consegue ter uma boa perspectiva de todo o enredo, mas como é um jogo com inúmeras, incontáveis reviravoltas, esse sentimento pode ser falso e te levar a considerações errôneas. 

O ponto final do último parágrafo indica que minhas considerações terminaram, mas eu não posso vir aqui e falar de um jogo e simplesmente ir embora sem ao menos colocar um trailer e algumas imagens, e principalmente um link para download, o que farei a partir de agora. 

Contudo, antes de seguir em frente, quero dizer aos amantes de RPG que acompanham essa postagem que esqueçam todas as minhas considerações citadas acima, limpem tudo de suas mentes e façam como eu, que não gosto de ficar tropeçando em spoilers, joguem, do começo ao fim, sem pressa, e deem o devido feedback ao desenvolvedor, para que esse jogo (Linhagem Axis é o meu projeto de vida, artisticamente falando - Ciclope) se torne conclusivamente uma preciosidade declarada, pois de fato, na minha humilde opinião, já o é!

Sinopse:

Quando o homem lutou contra os Axis, a fim de retomar o poder sobre os continentes e os povos, muita coisa deu errado. Após várias tentativas fracassadas, os humanos concluíram que os Axis não podiam ser mortos, e então, decidiram selá-los - uma vitória com gosto amargo, mas, ainda assim, uma vitória, pois isso traria a queda de boa parte das civilizações governadas por Axis, que vinham crescendo rapidamente até então.

Mas o selamento dos Axis não iria durar pra sempre, e esse fato parece ter sido ignorado por pessoas importantes - as verdadeiras intenções, os lados mais beneficiados com o selamento dos Axis, e os verdadeiros motivos por trás de todo o conflito ainda são desconhecidos... mas isso não quer dizer que não haja alguém por trás de tudo.



Imagens:








Trailer:


Download: 


Detalhes:


Abraços renovados para todos!

4 comentários:

  1. Já tinha jogado esse jogo e concordo com vc, o jogo poderia ter durado mais, 15 horas é muito pouco pra mim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos ver se o ciclope nos brinda com pelo menos umas 50 horas! :) Abs.,

      Excluir
  2. Ahh sim, joguei esse novamente um dia desses. Jogo espetacular... Enredo muito bom e a jogabiliade também não fica de lado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vejo o dia da versão completa ser lançada. Abs.,

      Excluir

Agradecido por comentar!
Abraços renovados do amigo JoeFather!