Escolha uma opção:

quarta-feira, 16 de março de 2011

Viva a Poesia!



Essa primeira poesia eu fiz especialmente para o blog que eu participo com muito carinho, De olhos fechados, que é coordenado pela brilhante e doce amiga Maria Emília Xavier, como presente para o aniversário da nossa amiga Poesia! Foi uma postagem coletiva de muitos amigos, clique AQUI para conferir e se emocionar!

=========================================


Nossa amiga, a Poesia!



Hoje estou fazendo poesia
Pois é uma data especial
Sabe quem aniversaria?
É uma amiga sem igual

Eu a conheço faz tempo
Ela mora no meu coração
É dona do meu talento
Muitas vezes a simples razão

Vem em horas de alegria
E também nas de tristeza
Já veio em forma de euforia
Ou para descrever a beleza

Quem a conhece sabe bem
Que deve agir com cautela
Não fazer uso com desdém
Evitando o efeito Cinderela

Pois ela inspira o amor
Dá-nos sentido na vida
Mas se usada com rancor
A fórmula sai invertida

E o que era para alegrar
Acaba num mal entendido
Levando uma alma a chorar
Por algo de bom ter perdido

Por isso eu a uso com carinho
Seja para o que for descrever
Para falar um pouquinho
Ou ilustrar um amanhecer

Creio que você já sabe
De quem gosto tanto assim
Já foi escrita até em árabe
Japonês, alemão e latim

Ela existe por toda a parte
Para o amor, dor, euforia
Dizem que faz muita arte
Essa nossa amiga, a poesia!


===============================================

Esta segunda poesia foi uma solicitação do sempre amigo Xipan Zeca, para participação em uma blogagem coletiva também para o dia da Poesia. Clique AQUI para ver os trabalhos, que ficaram maravilhosos!

===============================================

Na alegria e na tristeza, eis que ela existe!

Teimo em dizer
Que tudo tem um por que
Que as pessoas não vem a sofrer
Se não procurarem no erro incorrer

Mas hoje estou enganado
Basta olhar para o Japão, coitado
Outra bomba declinou sobre o seu Estado
A diferença é que veio do mar, seu eterno aliado

Podem até me fazer crer
Que a culpa foi do próprio ser
Que explora a natureza para enriquecer
Sem levar em contas as conseqüências que pode haver

Ou será que é sinal
Vindo do Pai Celestial
Que está chegando hora crucial
De a humanidade conhecer o seu final

Onde o justo será apartado
E o ímpio por seus atos será julgado
E uma nova era iniciará por esse enorme condado
Um mundo novo repleto de paz através de um povo iluminado

Seja qual for seu pensamento
O fato é que hoje existe um sofrimento
Que se difere dos comuns pelo seu ferimento
E que pode vir a cicatrizar com a ação do tempo

E hoje, nesse dia
Em que se comemora com alegria
A data da minha querida e eterna Poesia
Ter um sorriso aberto em meus lábios eu gostaria

Porém a Poesia é magistral
Seja no amor ou na dor, ela é Universal
E pela sua grandeza e nobreza se torna imparcial
Das artes umas das mais lindas, talvez até a mais especial

Já que em tudo ela parece existir
Basta olhar para o seu mundo e refletir
Até no vento que dobra as árvores, é ela a seguir
Trazendo esperança de melhores dias que estão por vir

===============================================


Espero que tenham gostado dessa fantástica interação!

Abraços renovados!

5 comentários:

  1. Este blog esta uma maravilha de se ver de se ler e de se sonhar acordada
    poemas lindos de pessoas maravilhosas
    a voces todo o meu carinho e respeito
    um forte abraço marlene

    ResponderExcluir
  2. Joe, vc escreve muito bem, mas seus poemas são especialmente bons! Vc tem que exercitar mais esse tipo de escrita porque quem ganha é a gente!

    ResponderExcluir
  3. Ei Joe,
    Nada melhor para comemorar a poesia do que muitaaaa poesia, ela realmente faz-nos sentir em estado de graça não é mesmo.
    Belas participações.

    Abraços fraternos.

    ResponderExcluir
  4. Joe,que lindas as tuas participações!Adorei e me emocionei!Vc está no Recanto dos autores hoje tb!Bjs,

    ResponderExcluir
  5. Olá, Joel! Parabéns pelo seu trabalho! Essa interação, também, é muito bonita e interessante. Quanto aos desastres que estamos vendo acontecer, fazer o quê? Na natureza tudo se move e, às vezes, machuca. Também, como participante do blog DE OLHOS FECHADOS de nossa amiga Maria Emília Xavier, agradeço a citação. Meu abraço.

    ResponderExcluir

Agradecido por comentar!
Abraços renovados do amigo JoeFather!