Escolha uma opção:

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

O sonhador escreve o que o escritor sonha...


Essa postagem faz parte da Blogagem coletiva de 1º Aniversário do Blog Sonhar e Ser, com o tema O que os sonhos fazem por nós! Clique no selo abaixo para visitar o blog e participar também!



======================================

O sonhador escreve o que o escritor sonha...



Creio que eu nasci sonhador...
Sempre olhei para o mundo de uma perspectiva particular, buscando encontrar sempre uma razão, uma motivação para seguir em frente.
E quando me encontrei, comecei a acumular dentro de mim emoções antes desconhecidas, que foram tomando um vulto imensurável. Deparei-me então com um novo problema, precisava de uma válvula de escape que liberasse um pouco a pressão de tantos sentimentos armazenados uns sobres os outros.
Foi nessa época que descobri que a escrita servia perfeitamente para esse fim. No princípio tudo ficou tremendamente confuso, as palavras saiam para o papel embaralhadas, sem um sentido qualquer. Com o tempo e com essa "escritoterapia", consegui alcançar um equilíbrio e em poucas vezes até o dia de hoje deixei que as emoções tomassem novamente proporções alarmantes.
De fato nasci sonhador, olho para tudo e sonho, e vejo frases se formando, e sinto sentimentos a exalaram tal perfume das pessoas. Poderia parar ali mesmo, procurar um banco qualquer e deixar que o meu lado escritor juntasse esses ingredientes e criasse algo novo que eu pudesse compartilhar.
Mas aí existe um novo problema, bem, não um obstáculo de verdade, não tenho tempo o suficiente para deixar que a arte seja minha principal ferramenta de interação com a vida, então, como todos têm um dom, lhes confesso que o meu não chega a ser surpreendente, mas é bem interessante, vejam se compreendem:
As emoções brotam de tudo que o olhar deste sonhador alcança, o escritor cria todo um argumento para dar vida a essas emoções e enfim, minha arma secreta, o programador que também existe em mim, armazena tudo que o sonhador sonha com o que o escritor planeja numa célula, aguardando o momento certo para produzi-la, sendo que pode aproveitar e aperfeiçoá-la da forma que convier ou até mesclá-la com outra informação qualquer antes armazenada.
Parece confuso? Também acho!
Uma nova definição então se faz necessária:
O sonhador escreve o que o escritor sonha para que o programador construa...

Abraços renovados!

5 comentários:

  1. Confuso ou nçai,m uma coisa fica clara! Tua participação ficou ótima! abração,chica e lindo dia e fds!(estarei fora no findi)

    ResponderExcluir
  2. Joel
    muito bacana....
    é exatamente assim que eu trabalho, sabia.
    a "escritaterapia" salvou minha vida nos últimos meses, me trouxe sonhos, me possibilitou sair de um emaranhado de emoções contraditórias e infelizes.
    Me percebi no seu texto, que está ótimo, por sinal.
    Excelente o seu blog.
    Muito obrigada pela brilhante ideia que você teve em contribuir com a nossa reflexão sobre os sonhos.
    Valeu!
    gostei muito daqui, viu?!
    grande abraço.

    ResponderExcluir
  3. Sua participação ficou ótima... Nos fez refletir sobre a importancia da escrita para nós mesmos... Como uma rica terapia de encontro com o que temos de melhor em nosso ser.

    Fico feliz por nossos caminhos terem se cruzado!

    Um abraço carinhoso

    ResponderExcluir
  4. Joel,eu faço escritoterapia desde criança!Escrever é como andar,falar,respirar...está em toda parte para quem tem um coração de poeta!Lindo seu texto!Bjs,

    ResponderExcluir
  5. Sua participação ficou maravilha, aliás escreve e verseja sempre muito bem.

    ResponderExcluir

Agradecido por comentar!
Abraços renovados do amigo JoeFather!